ÁREAS DE ATUAÇÃO

Área Socioeducativa

Responsável: Lucinete Santos

Na área Socioeducativa do Projeto Oblata Diálogos pela Liberdade se enquadram as ações e projetos que tem como objetivo proporcionar   às pessoas atendidas conhecimentos, habilidades, ferramentas, valores, princípios e normas sociais de comportamento e convivência essenciais em qualquer processo de crescimento pessoal e de socialização.

Nesta área é oferecido às mulheres um contexto pedagógico e formativo estruturado que favorece a educação, a aprendizagem e o desenvolvimento de valores, comportamentos positivos e habilidades pessoais e profissionais, para que as pessoas atendidas se realizem plenamente no âmbito pessoal, social, familiar e profissional,  desenvolvendo um modelo de vida autónomo, responsável e gratificante.

Esta área também se propõe favorecer a integração sociolaboral das mulheres que o solicitem, através da itinerários personalizados de intervenção,  aconselhamento e apoio no processo de inserção. As ações  incluem programas de orientação, capacitação e formação sobre Técnicas de Procura de Emprego .

No âmbito da reflexão, pesquisa e elaboração de artigos sobre “Violência contra  a mulher”.

Área Saúde integral

Responsável: Isabel C. Brandão

El Área de Saúde integral  do Projeto Oblata Diálogos pela Liberdade promove e desenvolve  iniciativas e ações para atender as necessidades de todas aquelas mulheres que precisam cuidados pessoais e de saúde.

Através de um modelo biopsicossocial, em que a saúde é concebida de uma forma abrangente (física, mental e social), são abordadas de maneira sinérgica as necessidades psicossociais e de saúde de todas as mulheres que necessitam dessa intervenção.

Os princípios fundamentais que regem esta  área  são:

  • Individualização dos cuidados, de acordo com as necessidades, características e potencialidades de cada mulher.
  • Flexibilidade de intervenção
  • A estimulação das capacidades, os fatores de proteção ou forças de impacto de pessoas.
  • Capacidade de escolha.
  • Incentivar a participação, desenvolvendo atividades onde as mulheres mostram ativas e participativas, integradas no seu contexto sociocultural.
  • Apoio de profissionais com qualificação técnica especializada, com trabalho em rede.
  • Colaboração com outros agentes envolvidos no cuidador psicossocial da pessoa
  • Promoção da saúde

No âmbito da reflexão, pesquisa e elaboração de artigos sobre “prostituição e subjetividades: analise psicossocial das vulnerabilidades”.

 

Área de Intervenção Social

Responsável: Viviane Nunes Fonseca

Pretende servir como uma ponte e apoio a mulheres em situação de vulnerabilidade e ajudar a prevenir ou sair desta situação através do desenvolvimento de intervenções integrais que abordem as necessidades da população nesta área. Em concreto as prioridades desta área são:

  • Fornecer orientação social e fazer encaminhamentos das mulheres atendidas aos recursos da comunidade, integrando e utilizando-se da rede de serviços sócio assistenciais;
  • Intensificar, quando for possível, a relação instituição / família, objetivando uma ação integrada de parceria na busca de soluções dos problemas que se apresentarem;
  • Participar, coordenar e assessorar estudos e discussões de casos com a equipe técnica, relacionados à política de atendimento institucional e nos assuntos concernentes à política de Assistência Social;
  • Realizar perícia, laudos e pareceres técnicos relacionados à matéria específica da Assistência Social, no âmbito da instituição, quando solicitado;
  • Desenvolver pesquisas junto aos usuários da instituição, definindo o perfil social desta população, obtendo dados para a implantação de projetos sociais, interdisciplinares;

No âmbito da reflexão, pesquisa e elaboração de artigos sobre “intervenção social, com mulheres que exercem a prostituição, e contexto familiar”.

 

Área de Comunicação e Sensibilização

Responsáveis: Lucinete Santos e Jose Manuel L.  Uriol 

A fim de envolver a sociedade nas atividades realizadas  e possibilitar  o desenvolvimento de um quadro informativo de reflexão e sensibilização sobre a realidade social das mulheres que atendemos o Projeto Oblata Diálogos pela Liberdade  realiza diversas atividades de comunicação, divulgação e conscientização  social.

Além de ações pontuais de sensibilização, através da área de comunicação do Projeto oblata DpL, trabalhamos expressamente na elaboração de conteúdos informativos, bem como no desenvolvimento de um sistema de diálogo aberto e participativo com cada um dos nossos públicos de interesse.

Atualmente, essas tarefas de informação são feitas principalmente através do site do Projeto oblata DpL Fundação, mas também através da colaboração em palestras, seminários, mesas redondas e aparições na mídia, quando requeridos.

Nesta seção estão disponíveis todas as notícias publicadas no nosso site, alguns vídeos, artigos e galerias de fotos, e um e-mail através do qual podem entre em contato com a área de comunicação.

No âmbito da reflexão, pesquisa e elaboração de artigos sobre “Neoliberalismo, globalização e prostituição”

Área de Espiritualidade e Gestão

Responsável: Jose Manuel L. Uriol

Esta área pretende, por um lado o  gerenciamento adequado de programas  focados em nosso público alvo (aplicáveis também a  outras realidades) , e também contribuir a idear e executar  uma variedade de ferramentas de planejamento, monitoramento e avaliação de projetos sociais, abordando além disso temas como   gestão de pessoas, captação de recursos e responsabilidade social.

Por outra parte, desde esta área queremos promover a importância da espiritualidade para uma gestão eficaz e ética das organizações, e como mecanismo de empoderamento e protagonismo pessoal, especialmente para mulheres em situação de vulnerabilidade social. É evidente a importância da  prática da espiritualidade tanto para o autoconhecimento, como para a obtenção de uma vida mais plena e equilibrada, repercutindo  no âmbito da saúde e das relações humanas.

  • Para integrantes do Projeto Oblata DpL: são desenvolvidas ações para a troca de experiências e para uma maior compreensão da sua missão e melhor atuação no cuidado com as mulheres atendidas
  • Para as mulheres : oferecendo momentos que permitam reconhecer e tomar consciência da experiência de Deus nas suas e criando espaços de partilha aonde vá unindo fé e vida tanto pessoal como comunitariamente.
  • Para a sociedade em geral: propondo uma espiritualidade que ajude a criar relações novas, humanizadoras, de igualdade entre homens e mulheres, de especial sensibilidade ante os problemas daquelas que estão em situação de maior vulnerabilidade. Uma espiritualidade que nos impulsione em caminhos de autoestima, de  celebração, de transformação, justiça e bem estar para todos/as.

Área de Administração

Responsável : Débora Campos

O trabalho desta área consiste em favorecer uma organização institucional garantindo uma melhor infraestrutura no desenvolvimento da missão da nossa Entidade e dos seus projetos. É desenvolvido mediante o fortalecimento da equipe administrativa e apoio, a contínua organização do setor pessoal, ao gerenciamento dos projetos financeiros e a busca de captação de recursos. Tem como finalidade garantir a operacionalização dos projetos e promover a melhoria da qualidade de vida das mulheres e dos profissionais envolvidos.

Além disso, esta área pretende oferecer  apoio e informações sobre questões administrativo-financeiras, a outras Entidades que atuam no Terceiro Setor, e propor estratégias e orientações  à mulheres atendidas por nossos projetos na linha de pequenos empreendimentos e de administração dos próprios recursos.

Anúncios