CURSO: A INTERVENÇÃO SOCIAL NA PROSTITUIÇÃO FEMININA

Curso-intervenção-social_01

 

O curso  pretende aprofundar desde diferentes perspectivas  a realidade da prostituição e as possibilidades de intervenção social que potencializem as mulheres na busca da efetivação de seus direitos e na construção de possibilidades diversas de enfrentamento aos desafios postos pela realidade.

Destinatários: Voluntários, candidatos a serem voluntários na nossa Entidade,  pessoas interessadas em conhecer a realidade da prostituição ou o trabalho de nosso Projeto Oblata. Estudantes, profissionais e integrantes de associações e instituições que trabalham com temas de género e/ou especialmente em áreas de intervenção em  prostituição.

Datas: 12, 13 e 14 de março, das 14 às 17.00 h

Local : Sede do Projeto Oblata Diálogos pela Liberdade -Pastoral da Mulher BH [Av. Santos Dumont, 664 – sl 327 – Centro cep 30.111-040 Tel. (31) 3272-7349 (31) 8751-2848 Belo Horizonte/MG/Brasil]

Inscrições: Faça sua inscrição  https://www.sympla.com.br/curso-a–intervencao-social-na-prostituicao-feminina__250185

Objetivos específicos

  • Oferecer novos instrumentos teóricos para enfrentar o debate sobre a prostituição.
  • Compreender a prostituição num contexto amplo : prostituição e capitalismo; prostituição e sexualidade; prostituição e gênero; prostituição e transgressão.
  • Oferecer ferramentas para promover os direitos das mulheres que exercem a prostituição e apoiar seu necessário protagonismo.

Temas abordados:

  • Os Projetos Oblatas e a missão de trabalhar na defesa dos direitos das mulheres que exercem a prostituição
  • A prostituição feminina no centro de BH:
    • A indústria do sexo na cidade de BH; funcionamento dos hotéis de alta rotatividade
    • Perfil das mulheres que exercem a prostituição no hipercentro

 

  • “Antes de julgar a minha vida… calce os meus sapatos”: situação  psicossocial das mulheres que exercem a  prostituição.
  • “As prostitutas são mulheres; os prostituidores são homens” : a prostituição desde um olhar de gênero.
  • Empoderamento e estigma.
  • Prostituição e direitos humanos
  • A metodologia de intervenção desde os projetos oblatas:
    • Abordagem
    • Acolhida
    • Formação integral focada na afirmação de cidadania e no protagonismo
    • Sensibilização social
  • A promoção da saúde física e emocional das mulheres que exercem a prostituição
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s