Dia Internacional de luta contra a discriminação das mulheres que exercem a prostituição

Dia da prostituta 2017 (2)

No dia 02 de junho de 1975, na cidade francesa de Lyon, cerca de 150 prostitutas ocuparam a Igreja de Saint-Nizier e fizeram greve de sexo comercial, para protestar contra a repressão policial, multas, prisões, assassinatos de colegas que sequer eram investigados. A igreja e a população de Lyon apoiaram a manifestação e deram proteção a elas.

 A ocupação da igreja foi transmitida por todos os meios de comunicação, no país e no exterior, inclusive no Brasil. A diretoria da Igreja e a população de Lyon apoiaram e deram proteção às prostitutas. O movimento se espalhou pelas cidades de Marselha, Montpellier, Grenoble e chegou até Paris, onde colegas também entraram em greve.

No dia 10 de junho, às 5 horas da manhã, a polícia reagiu de forma violenta, invadindo as capelas  e expulsando as mulheres aos socos e pontapés.

A ação corajosa destas mulheres foi noticiada no mundo inteiro e resultou na criação da Associação de Prostitutas Francesas, iniciativa que foi seguida em vários países do mundo. Por isso o dia 02 foi instituido para ser o Dia Internacional da Prostituta.

Fonte: http://www.portalopovo.com.br

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s